A sincronização de arquivos está lenta ou tomando tempo demais para ser concluída.

Para ter certeza de que seus arquivos estão sincronizando corretamente, verifique se seus computadores ou dispositivos móveis estão conectados à internet e vinculados à mesma conta do Dropbox. Se o problema não estiver aí, confira outras formas de solucionar essas questões abaixo.

A sincronização do Dropbox está lenta. Por quê? E o que posso fazer quanto a isso?

O Dropbox presta atenção ao uso da largura de banda para utilizar o máximo possível sem interferir com o seu uso normal da internet.

O Dropbox se regula automaticamente a 75% da velocidade máxima de upload para impedir lentidão perceptível na navegação. Os downloads são feitos à velocidade de download mais rápida disponível.

Para mudar as configurações de largura de banda do Dropbox, siga estas instruções:

Linux

  1. Clique com o botão direito no ícone do Dropbox na bandeja do sistema e selecione Preferências... no menu.
  2. Clique em Largura de banda.
  3. Para ajustar as configurações de largura de banda manualmente, clique no botão de opção à esquerda de Limitar a logo abaixo de Taxa de download ou Taxa de upload. Digite nos campos fornecidos as taxas que você preferir, em kilobytes por segundo. Se quiser que o Dropbox use a taxa mais rápida possível, selecione o botão de opção à esquerda de Sem limite.

Atenção: Configurar a Taxa de upload como Sem limite ou usar uma taxa que a sua conexão não pode comportar provavelmente causará lentidão significativa em todas as suas outras atividades na internet.

Mac

  1. Clique no ícone do Dropbox na barra de menu.
  2. Clique no ícone de engrenagem e selecione Preferências... no menu.
  3. Clique em Rede.
  4. Ao lado de Largura de banda, clique no botão Alterar configurações....
  5. Para ajustar as configurações de largura de banda manualmente, clique no botão de opção à esquerda de Limitar a logo abaixo de Taxa de download ou Taxa de upload. Digite nos campos fornecidos as taxas que você preferir, em kilobytes por segundo. Se quiser que o Dropbox use a taxa mais rápida possível, selecione o botão de opção à esquerda de Sem limite.

Atenção: Configurar a Taxa de upload como Sem limite ou usar uma taxa que a sua conexão não pode comportar provavelmente causará lentidão significativa em todas as suas outras atividades na internet.

Usuários do Dropbox Business: caso esteja conectado tanto em sua conta pessoal quanto profissional do Dropbox em seu computador, as preferências de rede serão aplicadas às duas contas.

Windows

  1. Clique no ícone do Dropbox na bandeja do sistema. Talvez você precise clicar na seta para exibir todos os ícones na bandeja do sistema.
  2. Clique no ícone de engrenagem e selecione Preferências... no menu.
  3. Clique em Largura de banda.
  4. Para ajustar as configurações de largura de banda manualmente, clique no botão de opção à esquerda de Limitar a logo abaixo de Taxa de download ou Taxa de upload. Digite nos campos fornecidos as taxas que você preferir, em kilobytes por segundo. Se quiser que o Dropbox use a taxa mais rápida possível, selecione o botão de opção à esquerda de Sem limite.

Atenção: Configurar a Taxa de upload como Sem limite ou usar uma taxa que a sua conexão não pode comportar provavelmente causará lentidão significativa em todas as suas outras atividades na internet.

Usuários do Dropbox Business: caso esteja conectado tanto em sua conta pessoal quanto profissional do Dropbox em seu computador, as preferências de rede serão aplicadas às duas contas.

O que é conflito de Sincronização seletiva e o que posso fazer quanto a isso?

A Sincronização seletiva é um recurso que permite que você selecione as pastas que quer sincronizar em seu computador. No entanto, pode ocorrer um conflito na Sincronização seletiva quando você escolhe não sincronizar uma pasta no computador nas preferências da Sincronização seletiva e depois cria uma pasta com o mesmo nome no mesmo local. Por exemplo, se você criar uma pasta chamada "Impostos" e depois desmarcar "Impostos" nas suas preferências de Sincronização seletiva, a pasta "Impostos" deixará de sincronizar com sua pasta do Dropbox no computador. Se então você criar outra pasta chamada "Impostos" no mesmo local no Dropbox, essa nova pasta aparecerá com um sinal de menos na cor cinza e não será sincronizada.

Se você marcar a pasta original chamada "Impostos" (nas preferências de Sincronização seletiva) para voltar a sincronizar com o computador juntamente com a nova pasta "Impostos", o nome da pasta "Impostos" que tiver o sinal de menos receberá a notação "(Conflito de Sincronização seletiva)". As duas pastas sincronizarão com a sua conta on-line.

Como se livrar de uma pasta com um sinal de menos cinza

  1. Mova para outra pasta no Dropbox tudo o que você precisar da pasta com o sinal de menos cinza.
  2. Exclua a pasta com o sinal de menos cinza.
  3. Altere as preferências de Sincronização seletiva para permitir que a pasta original sincronize com a sua pasta do Dropbox.

Como se livrar de uma pasta com conflito de Sincronização seletiva

  1. Mova para a pasta original tudo o que você precisar da pasta com conflito de Sincronização seletiva.
  2. Exclua a pasta em conflito.

O Dropbox está dando erro ou não quer abrir. Por quê? E o que posso fazer quanto a isso?

Se a sua instalação do Dropbox para desktop apresentar qualquer um dos seguintes problemas, é possível que esteja inacessível ou corrompida:

  • O Dropbox fecha assim que é aberto.
  • Você não consegue abrir o Dropbox e recebe uma mensagem de erro (se a mensagem for "OperationalError" ou "BrokenTempDirError", corrija as permissões para a pasta %TEMP%).
  • O Dropbox não está sincronizando e avisa que você está executando uma versão antiga do aplicativo.
  • O ícone do Dropbox na bandeja do sistema/barra de menu não para de indicar sincronização (com setas girando sobre o ícone azul) e não progride.
  • O status de sincronização no menu do Dropbox indica "Permissão negada" ou "Rejeitado pelo servidor".
  • O menu de contexto do Dropbox não está aparecendo.
  • Os ícones de sincronização não estão aparecendo corretamente.

Se o Dropbox parece sincronizar arquivos rapidamente no início, mas depois parece travar, talvez seu aplicativo antivírus ou de otimização do sistema esteja interferindo com o aplicativo do Dropbox. Esse é um problema conhecido com alguns aplicativos antivírus, como estes:

Se acontecer com você, tente adicionar o Dropbox à lista de permissões do aplicativo ou desativar seu aplicativo antivírus e reiniciar o Dropbox.

Também sabemos que o TuneUp Utilities (Windows) desinstala o Dropbox para otimizar o computador. Se o TuneUp estiver em execução, tente desabilitá-lo e reinstalar o aplicativo do Dropbox. Você pode usar o formulário no site do TuneUp para relatar o problema.

Se nenhum aplicativo antivírus estiver em execução, ou se você tiver certeza de que o antivírus não está interferindo com o Dropbox, talvez suas configurações do Dropbox estejam inacessíveis. Se as configurações estiverem corrompidas, uma maneira de redefini-las é desvincular o computador da sua conta do Dropbox e voltar a estabelecer o vínculo. Não se preocupe, pois os arquivos que estiverem na sua pasta do Dropbox permanecerão intactos.

Se desvincular a sua conta e vinculá-la de novo não resolver o problema, as suas configurações podem estar protegidas ou inacessíveis devido a um problema de permissões. Se for o caso, você pode remover as configurações manualmente usando uma conta de administrador.

Selecione seu sistema operacional para ver as instruções:

Linux

  1. Clique com o botão direito no ícone do Dropbox na barra de menu e selecione Sair.
  2. Abra uma janela de terminal e copie e cole a seguinte linha (exatamente como aparece aqui):
    sudo chown "$USER" "$HOME"
    sudo chown -R "$USER" ~/Dropbox ~/.dropbox
    sudo chattr -R -i ~/Dropbox
    sudo chmod -R u+rw ~/Dropbox ~/.dropbox
    

    Se sua pasta do Dropbox não estiver em ~/Dropbox, altere todos os comandos acima para incluir o local correto.
  3. Acesse o menu Internet em Aplicativos para reiniciar o Dropbox.

Mac

  1. Para sair do aplicativo, clique no ícone do Dropbox na barra de menu, clique no ícone de engrenagem e selecione a opção Sair do Dropbox no menu pop-up.
  2. Abra o aplicativo de terminal (localizado em /Aplicativos/Utilitários/Terminal).
  3. Copie e cole as linhas abaixo no terminal, uma de cada vez, e dê Enter após cada linha. É importante você copiar e colar os comandos (em vez de digitar à mão), pois inserir algum comando errado pode resultar em danos. Depois de inserir o primeiro comando, você precisará digitar a senha de usuário do computador (não sua senha do Dropbox). Observe que o campo de senha permanece em branco enquanto você digita a senha no terminal. Após digitar a senha, aperte Enter.
    sudo chflags -R nouchg ~/Dropbox ~/.dropbox ~/.dropbox-master
    sudo chown "$USER" "$HOME"
    sudo chown -R "$USER" ~/Dropbox ~/.dropbox
    sudo chmod -RN ~/.dropbox ~/Dropbox
    chmod -R u+rw ~/Dropbox ~/.dropbox 
    

    Se o local da sua pasta do Dropbox não for ~/Dropbox, altere todos os comandos acima para incluir o local correto.
  4. Reinicie o Dropbox, que fica localizado na pasta Aplicativos.

Windows

  1. Para sair do aplicativo, clique no ícone do Dropbox na bandeja do sistema, clique no ícone de engrenagem no painel de notificações e selecione a opção Sair do Dropbox no menu.
  2. Aperte as teclas Windows + R (ao mesmo tempo), digite cmd e aperte Enter para abrir o prompt de comando.
  3. Copie e cole as linhas abaixo no prompt de comando, uma de cada vez, e aperte Enter após cada linha. É importante você copiar e colar os comandos (em vez de digitar à mão), pois inserir algum comando errado pode resultar em danos. Você só pode colar os comandos usando o botão direito do mouse e selecionando Colar.
    icacls "%HOMEPATH%\Dropbox" /grant "%USERNAME%":(F) /T
    icacls "%APPDATA%\Dropbox" /grant "%USERNAME%":(F) /T
    

    Se o local da sua pasta do Dropbox não for C:\Users\YourUser\Dropbox, modifique o primeiro comando para incluir o caminho certo. Por exemplo, se seu Dropbox estiver em D:\Dropbox, o comando deve ficar assim:
    icacls "D:\Dropbox" /grant "%USERNAME%":(F) /T			
    

    Os outros comandos não devem ser alterados. Observe que, dependendo do tamanho de seu Dropbox, essa operação pode demorar, então espere o prompt C:\ aparecer de novo.
  4. Reinicie o Dropbox no menu Iniciar, selecione Arquivos de programas e depois Dropbox.

Estou conectado à internet e com login ativo na mesma conta em meus dispositivos, mas tenho um arquivo que não está sincronizando. Será que está com algum problema?

Se você perceber algo errado com um arquivo e já tiver verificado que seus computadores estão conectados à internet e vinculados à mesma conta do Dropbox, o arquivo pode ter um problema que esteja impedindo a sincronização.

Os sistemas operacionais nem sempre se dão bem uns com os outros. O aplicativo do Dropbox para desktop percebe essas inconsistências e se esforça ao máximo para resolver os problemas harmoniosamente. Quando isso não é possível, o arquivo sincroniza com o site do Dropbox, mas talvez não apareça ou não funcione adequadamente em sistemas operacionais incompatíveis.

Para ver quais de seus arquivos podem causar problemas de sincronização, acesse sua conta pelo site do Dropbox e use a ferramenta Verificar arquivos problemáticos.

Diretrizes gerais sobre tipos de arquivos

Para garantir que seus arquivos e pastas sincronizem corretamente em outros sistemas operacionais, siga as orientações abaixo:

Caracteres incompatíveis em todos os sistemas operacionais

Não nomeie seus arquivos com os seguintes caracteres, pois o Dropbox não pode sincronizá-los em nenhuma plataforma:

  • / (barra)
  • \ (barra invertida)

Caracteres incompatíveis com o Windows

Ao nomear arquivos, evite usar caracteres incompatíveis com o sistema de arquivos do Windows:

  • < (menor que)
  • > (maior que)
  • : (dois pontos)
  • " (aspas duplas)
  • | (barra vertical)
  • ? (ponto de interrogação)
  • * (asterisco)

Tipos de arquivos ignorados

O Dropbox não sincroniza alguns arquivos de sistema de pequeno porte, como os listados abaixo:

  • desktop.ini
  • thumbs.db
  • .ds_store
  • icon\r
  • .dropbox
  • .dropbox.attr

Comprimento máximo de caracteres

O Windows só permite nomear arquivos e pastas com até 260 caracteres. Certos aplicativos, como o Microsoft Excel, têm limites ainda menores (218 caracteres).

Note que o Windows inclui o caminho para o arquivo como parte de seu nome. Assim, o total de caracteres do caminho do arquivo de exemplo abaixo é de 142, não 16:

C:\Users\Panda\My Documents\Dropbox\Creative Nonfiction\My Autobiography\Favorite Things\Favorite Foods\Bamboo\Family Recipes\Fresh Leaves.doc

A partir da versão 3.0, o aplicativo do Dropbox para desktop pode escrever e editar em locais com mais de 260 caracteres sem problemas. No entanto, alguns aplicativos ainda podem estar sujeitos a limites do Sistema operacional, e podem ter problemas ao acessar arquivos com caminhos longos.

Por exemplo, caso você tenha um arquivo Excel 2010 em um caminho que tenha mais do que 260 caracteres, o Dropbox irá sincronizá-lo em seu computador. No entanto, quanto tentar abri-lo, o Excel vai exibir uma mensagem de erro, como: "O arquivo não pode ser acessado". Você pode ler mais sobre limites nos caminhos do Office e da Microsoft em nossa Central de ajuda. No geral, tudo que é preciso fazer para abrir esses arquivos é diminuir seu nome ou mover o arquivo ou pasta para uma pasta de nível superior.

Conflitos entre maiúsculas/minúsculas

A maioria das instalações do Linux permite que você tenha dois arquivos ou pastas com o mesmo nome, mas com diferença na disposição de letras maiúsculas e minúsculas. No entanto, por padrão, o Mac e o Windows não diferenciam maiúsculas e minúsculas no nome de arquivos ou pastas. Portanto, se o Dropbox se deparar com diretórios do Linux chamados "Pasta de amostra" e "pasta de amostra" (com "p" minúsculo), as duas pastas serão sincronizadas em computadores Mac e Windows, mas uma aparecerá como cópia da outra, com a notação Conflito entre maiúsculas/minúsculas.

Caracteres iniciais no Mac e no Linux

Arquivos e pastas que começam com um ponto (como .myfile.doc ou .myfolder) sincronizam corretamente e de fato ficam localizados na pasta do Dropbox no seu computador. Porém, são considerados pelos sistemas operacionais Mac e Linux como arquivos de sistema e são escondidos automaticamente. Você só consegue vê-los se modificar as configurações avançadas do computador. É melhor acessar o site do Dropbox e renomear os arquivos ou pastas (para algo como _myfolder, por exemplo).

Caracteres à direita

Arquivos e pastas que terminam com um ponto (.) não sincronizam corretamente entre sistemas operacionais. Um item que terminar com um ponto, como file.txt., e não sincronizar aparecerá na página Verificar arquivos problemáticos.

Em nomes de arquivos e pastas, qualquer espaço à direita é removido para que os itens sincronizem corretamente com outros sistemas operacionais. Se forem encontrados na sua pasta do Dropbox dois arquivos com o mesmo nome diferenciados apenas por um espaço em branco (ou o caractere criado ao pressionar a barra de espaço), o Dropbox acrescenta ao nome do segundo arquivo a notação Conflito de espaços em branco.

Arquivos temporários

Ao abrirem um arquivo, alguns aplicativos (como o Microsoft Word, Excel ou PowerPoint) muitas vezes salvam no mesmo diretório um arquivo temporário nomeado de uma das seguintes formas:

  • começando com ~$ (til e cifrão) ou .~ (ponto e til)
  • começando com til e terminando em .tmp, como ~minhapasta.tmp

O Dropbox não sincroniza esses arquivos temporários em nenhum sistema operacional.

Conflitos de codificação Unicode

Em alguns casos, há várias maneiras de criar o mesmo caractere no teclado. Apesar de parecerem idênticos, esses caracteres são diferentes para os sistemas operacionais e para o Dropbox. Ao perceber esses conflitos de codificação, o Dropbox cria uma cópia em conflito do arquivo e a salva na mesma pasta, com a notação Conflito de codificação Unicode.

Metadados e resource forks

Evite sincronizar arquivos que usam metadados (ou resource forks), inclusive aliases do Mac ou atalhos do Windows. Esses tipos de arquivo costumam funcionar apenas nos sistemas operacionais em que foram criados.

Pontos de junção e aliases

O Dropbox segue os pontos de junção do Windows (Windows Vista ou superior) e sincroniza os arquivos e pastas a eles vinculados. Entretanto, qualquer alteração nesses arquivos ou pastas feita a partir do sistema operacional Windows só sincroniza novamente quando o aplicativo do Dropbox para desktop é reiniciado. Para contornar a situação, mova a pasta original para a pasta do Dropbox e adicione um ponto de junção da localização anterior a fim de estabelecer um vínculo com a nova localização.

Alerta sobre metadados e unidades FAT32

Alguns documentos têm atributos de arquivo, ou xattrs, em dados anexados ao arquivo. Isso é chamado de metadados (dados sobre outros dados). Os sistemas operacionais usam metadados para diversas operações: armazenar ícones, rotular documentos, anexar informações aos arquivos, administrar permissões e assim por diante. O Dropbox comporta xattrs em todas as plataformas. No entanto, pendrives e unidades móveis que usam o sistema de arquivos FAT32 não comportam metadados. Se a sua pasta do Dropbox estiver localizada numa unidade FAT32, infelizmente não é possível reter os metadados quando você move ou renomeia um arquivo.

Monitoramento de mais de 10 mil pastas no Linux

Por padrão, a versão do aplicativo do Dropbox para desktop Linux tem o limite de monitoramento de 10 mil pastas. Qualquer pasta além desse número não é vista, sendo portanto ignorada durante a sincronização. Há uma solução simples para isso. Abra um terminal e digite o seguinte:

echo fs.inotify.max_user_watches=100000 | sudo tee -a /etc/sysctl.conf; sudo sysctl -p

Esse comando faz com que o sistema veja até 100 mil pastas. O Dropbox retoma a sincronização logo após você digitar o comando e sua senha.

Habilitar atributos estendidos (xattr) no Linux

Por padrão, algumas distribuições do Linux têm atributos estendidos (xattrs) desabilitados. Se estiver executando uma distribuição do Linux com sistema de arquivos ext3 ou ext4, você pode habilitar xattrs, normalmente através do arquivo de configurações /etc/fstab. Consulte as instruções na documentação da sua distribuição do Linux.

Lamentamos ouvir isso. Diga como podemos melhorar:

Agradecemos sua opinião! Diga como este artigo ajudou:

Agradecemos sua opinião!

Respostas da comunidade
    Respostas da comunidade

      Outras maneiras de obter ajuda

      Comunidade

      Atendimento no Twitter

      Ajuda orientada

      Outras maneiras de obter ajuda

      Comunidade

      Atendimento no Twitter

      Ajuda orientada

      Outras maneiras de obter ajuda

      Comunidade

      Atendimento no Twitter

      Entre em contato com o atendimento