O que é migração de dados?

Armazenar dados é uma coisa, mas e se você precisar movê-los?

O que é migração de dados?

A migração de dados é o processo de transferência de grandes quantidades de dados de um local para outro. Você pode considerar mover seus arquivos do PC para um disco rígido externo como uma forma de migração de dados no sentido mais simples, mas geralmente a migração de dados ocorre em uma escala muito maior.

Para que é utilizada a migração de dados?

A migração de dados é usada para atualizar tecnologias empresariais, seja para eficiência ou segurança. A Lei de Moore afirma que podemos esperar um desenvolvimento significativo em velocidade e capacidade tecnológica a cada dois anos ou mais, o que significa que é sempre importante estarmos à frente no cenário geral.

Ficar atualizado com a tecnologia e deixar seus sistemas legados para trás é parte inevitável dos negócios modernos. Significa também pegar todos os seus dados de um sistema e movê-los para outro, e isso é migração de dados.

Quais são os tipos de migração de dados existentes?

Existem vários tipos diferentes de migração de dados, cada um com aplicações diferentes:

  • Migração de armazenamento: é quando os dados são movidos de um formato de armazenamento para outro, por exemplo, digitalizando registros em papel para armazenamento on-line.

  • Migração de aplicativos: isso ocorre quando você muda de um aplicativo para um novo. Por exemplo, mudar dos programas legados da sua empresa para o Xero para suas finanças.

  • Migração de banco de dados: ocorre quando você move todo o banco de dados para um novo local, como passar dos PCs locais do escritório para uma estrutura totalmente baseada na nuvem.

A migração para nuvem é a mesma que a migração de dados?

A migração para nuvem é uma forma de migração de dados e diz respeito à movimentação de dados do servidor de arquivos baseado no escritório para a nuvem. É também o termo usado quando você muda de uma nuvem para outra.

A nuvem não é a mesma para todas as empresas?

“A nuvem” é, essencialmente, a Internet, mas a maneira como você obtém acesso à nuvem depende do serviço que escolher. O Dropbox, por exemplo, é diferente do Google Drive. Ambos oferecem armazenamento na nuvem, mas ter acesso a um não lhe concede acesso automaticamente aos arquivos armazenados no outro. A migração para nuvem seria mover dados de um para o outro.

Como você faz um plano de migração de dados?

Um plano estratégico é essencial para uma migração de dados bem-sucedida. Se você não planejar com antecedência, pode acabar perdendo seus dados completamente ou, no mínimo, ter um longo tempo de inatividade que pode afetar o funcionamento da sua empresa.

Aqui estão apenas algumas das etapas essenciais que devem ser seguidas antes de executar a migração:

Entenda a qualidade dos seus dados

Veja o status atual de seus dados, são dados confidenciais, em que formato estão, a migração vai mudar isso? Ao reconhecer possíveis problemas antes que eles ocorram, você pode fazer concessões e adaptar seu plano de migração para evitar a perda de dados.

Faça um backup

Você já deve ter um backup de seus dados, caso não tenha, providencie. A migração de dados é um grande projeto e, se tudo correr mal, você precisa saber que os dados da sua empresa ainda estão seguros em algum lugar e podem ajudar na recuperação de desastres. Para os arquivos que sua equipe trabalha no dia a dia da, como documentos do Word, é melhor que cada membro da equipe faça sua própria transferência de arquivos para nuvem, para que saibam exatamente onde seus documentos pessoais estão armazenados.

Entenda o seu cronograma

A migração de dados é um compromisso enorme, não pense que uma manhã será suficiente e que ela será concluída até a hora do almoço. Lembre-se de que você está movendo todos os seus dados empresariais, o que significa que toda a sua equipe será afetada, bem como as partes interessadas. Você pode ter que preparar e fazer um orçamento para o tempo de inatividade ou talvez organizar a conclusão do processo de migração durante o fim de semana. De qualquer forma, não dê a largada até saber exatamente no que está se metendo.

Entenda sua equipe

Quem está realmente executando essa migração? É a sua equipe de TI profissional ou você deixou tudo para o seu programador? A movimentação de seus dados é tão vital quanto a movimentação das finanças de sua empresa, se forem perdidos ou corrompidos, você pagará o preço. Usar as melhores ferramentas de migração de dados é tão importante para sua empresa quanto usar as ferramentas certas de gerenciamento ou qualquer outro processo essencial, então escolha com sabedoria. Felizmente, o add-on de migração de dados da Cloud FastPath do Dropbox pode fornecer à sua empresa a orientação especializada que você está procurando e simplificar todo o processo para sua equipe.

Quais são as melhores estratégias de migração de dados?

Pronto para dar a largada? Certifique-se de ter estas dicas em mente:

Conceda as permissões certas

Este é um passo que você pode ignorar, mas a primeira parte de qualquer migração deve ser bloquear qualquer um que não precise estar envolvido e dar acesso àqueles que farão o processo. Esse processo é essencialmente o transplante do coração da sua empresa, você não vai querer ninguém pressionando acidentalmente a coisa errada. Da mesma forma, você não quer se preocupar com o acesso no meio de uma crise. Certifique-se de que todos saibam seu papel e tenham acesso às ferramentas de que precisam.

Certifique-se de que alguém está monitorando

A migração de dados, feita corretamente, deve ser um processo suave, mas não presuma isso. Certifique-se de que você tem alguém para acionar rapidamente para lidar com qualquer problema que apareça. Mesmo que esteja usando um software ou serviço específico para isso, vale a pena ficar atento.

Teste o seu sistema

Não ligue para todos no segundo em que a migração estiver concluída. Você precisa testá-lo e deve ter isso em mente quando estiver calculando o tempo de inatividade. Pode ser uma boa ideia trazer um grupo pequeno de funcionários para ajudar a discernir se a migração afetou qualquer uma das tarefas do dia a dia. Se você encontrar problemas, pode levar alguns dias para corrigir.

Execute a manutenção e mantenha um backup

Alguns problemas podem não ser aparentes imediatamente, por isso é importante ter um backup disponível. Se e quando tiver certeza de que a migração foi um sucesso total e de que todos os problemas foram resolvidos, atualize o backup para os formatos de arquivo atuais para que esteja pronto para a próxima data de migração.

A preparação é fundamental

A migração de dados é provavelmente a maior tarefa de TI que sua empresa enfrentará, portanto, certifique-se de fazer isso corretamente, munindo todos os funcionários com as melhores ferramentas para o trabalho. O add-on de migração de dados do Dropbox é a solução ideal para uma migração de dados fácil e profissional. Ajudando você a gerenciar o acesso e as permissões, a análise robusta o mantém atualizado em cada etapa do caminho, e a ajuda humana está sempre à mão.

Sua empresa pode ter chegado a um ponto em que a migração de dados é inevitável, mas a perda de dados é algo que você definitivamente pode evitar, caso se prepare corretamente.